Cotidiano

Taboão, Embu e Itapecerica vão ter juntas 22 escolas de Ensino Integral ano que vem

A partir de 2022 as cidades de Taboão da Serra, Embu das Artes e Itapecerica da Serra vão passar a ter escolas de ensino integral. Ao todo Taboão vai contar com cinco, Embu com dez e Itapecerica, por sua vez, sete. O anúncio foi feito pelo governador do estado de São Paulo, João Dória nesta segunda-feira, dia 12 de julho. 

 
Em Taboão da Serra as escolas Domingos Mignoni, Professor FRancisco Vicente Lopes Gonçalves, Professora Julieta Caldas Ferraz, Professora Maria Aparecida Nigro Gava e Jornalista Wandick Freitas passam a ter ensino integral. 
 
Na cidade de Embu das Artes, as escolas contempladas com o ensino integral são Alexandrina Bassith, Doutor Carlos Koch, Doutor Eduardo Vaz, Professora Eulalia Malta, Marechal Henrique Teixeira Lott, Madre Odete de Souza Carvalho, Professora Mirna Elisa Bonazzi, General Rubem Carlos Ludwig, Professora Sara Sanches Russo e Escola Estadual Ede Wilson. 
 
Já em Itapecerica da Serra a EE Asa Branca da Serra, EE José Silveira da Motta, EE Leda Felice Ferreira, EE Lucia Akemi Miya, EE Isabel a Redentora, EE Jardim Montesano e EE Julia de Castro Carneiro. 
 
“Em nossa região serão 15 escolas na Diretoria de Ensino de Taboão e Embu, e 16 escolas na Diretoria de Ensino de Itapecerica da Serra”, disse a deputada Analice Fernandes que participou do evento. 
 
“Os resultados que alcançamos ao longo de dois anos e meio nos permitem hoje fazer esse anúncio de grande importância. Isso é uma vitória da educação. Tempo integral para tudo: para o aconchego, o ensino, o estudo, a alimentação e formação de uma nova geração de brasileiros”, disse Dória. 
 
Sobre o PEI 
 
Criado em 2012, o PEI potencializa a melhoria da aprendizagem e o desenvolvimento integral dos estudantes, nas dimensões intelectual, física, social, socioemocional e cultural, por meio de um modelo pedagógico articulado a um Modelo de Gestão. 
 
No primeiro, são trabalhadas práticas pedagógicas, como Tutoria, Nivelamento, Protagonismo Juvenil com Clubes Juvenis e Líderes de Turma, além de componentes curriculares específicos, como Orientação de Estudos e Práticas Experimentais, que potencializam a formação integral do estudante a partir do seu Projeto de Vida. 
 
O segundo permite o planejamento, desenvolvimento e acompanhamento das ações pedagógicas, de maneira estruturada.
 
Texto com informações e foto Assessoria da deputada 

© 2015-2021 Click Regional - Todos os direitos reservados. Site desenvolvido por OSN

logo site